Destaques

 

 

UDEMO | 12/08/19 11:16 | Atualizado em 19/08/19 9:53


URGENTE:

REMOÇÃO E INGRESSO

Agora é definitivo !

Recebemos informações – de fontes confiáveis – de que não haverá a remoção nem a nova chamada de Diretores de Escola, nem o ingresso de Supervisores de Ensino. A intenção da SE é deixar esses cargos livres e à disposição para designação, nos mesmos termos que os Dirigentes Regionais (“Líderes Públicos”) e os Diretores das escolas do projeto PEI. É por isso que estão postergando o ingresso e a remoção, desde abril, sem dar maiores esclarecimentos.

Em resumo, estão “tramando” na SE uma forma de tirar ou diminuir a autonomia dos cargos de Diretor e Supervisor – que são providos mediante concurso público de provas e títulos - sem ter de mexer diretamente na legislação (Estatuto do Magistério). Assim, ficará fácil impor todos os programas e projetos do governo, do jeito que eles querem, sem nenhum questionamento. Ficará mais fácil fazer o marketing político, em detrimento da educação.

Quanto aos Supervisores, ainda, a informação é de que “eles serão de pouca importância no novo sistema”. Portanto, quanto menos, melhor.

Neste esquema, a determinação para os Dirigentes Regionais (atuais e novos) é de total pressão sobre os Supervisores e Diretores. Também os Dirigentes estão sob forte pressão, porque, ou seguem à risca (sem nenhum questionamento) as ordens da Secretaria ou ‘estão na rua’. É o ‘cabresto’ e o ‘chicote’; em termos políticos, o nazismo e o fascismo. Com a SE e  Governador, acabou o diálogo (que, aliás, nunca existiu !).

A educação pública estadual está sob ameaça; nossos cargos correm perigo; a estrutura toda está voltada para o marketing político. Conquistas históricas, de quase 70 anos, como o provimento de cargos por concurso público estão sendo destruídas, de forma insidiosa.

Agora, colega, depende de você, de todos nós: ou protestamos e zelamos pela educação, por nossos cargos, por nossos direitos, ou aceitamos as absurdas imposições do governo. Ou garantimos a nossa dignidade ou a entregamos, ‘de bandeja’, a quem tem uma única proposta para a nossa educação: o marketing político, a manchete ufanista na grande imprensa, o fazer passar uma imagem de que está havendo uma ‘verdadeira revolução’ na escola pública paulista, no interesse dos alunos, quando, na verdade, estão destruindo-a.

 

Participe ! É bom para você !
É bom para a educação !
É bom para todos nós!

Não se omita !

 


Participe, também, do Grupo de divulgação da UDEMO no Facebook!

 

 

 
Filie-se à Udemo
Decálogo
 
 
 
 
 
 
Parceria UMC