Destaques

 

 

UDEMO | 04/02/20 | Atualizado em 4/02/20 12:02


Com esses salários não dá.
Com esse pessoal na SEDUC, também não!

MERENDA versus “SOFRENDA”

MERENDA significa refeição. Vem do latim “merecer” (‘merere’). Para comer algo, todos tinham que fazer por merecer. “Merenda” é o que deve ser comido, por merecimento.

SOFRENDA é um neologismo; mistura de sofrimento com merenda. Quando um aluno de uma escola pública estadual, na região central de São Paulo, afirma que recebe, como lanche, uma bolacha salgada e um copo de iogurte diluído em água, está-se frente a uma sofrenda e não merenda ! Um detalhe: a escola é de tempo integral ! Portanto, a ração tem de ser reforçada: não é apenas uma bolacha salgada; tem também iogurte diluído em água natural ! Isto aconteceu ontem, 4/02/2020, primeiro dia de aula! Hoje, já foi anunciado que haverá apenas meio período de aula, porque acabou a bolacha !

Estamos falando de São Paulo, o Estado mais rico da Federação ! São Paulo - Capital, a cidade mais rica do Estado ! E região central, “privilegiada”!

Isso é brincar de fazer educação pública! E é fácil brincar assim quando do outro lado estão crianças e adolescentes pobres, sem opções, cujas famílias têm pouca capacidade de reivindicação e mobilização. Fossem filhos de políticos, Juízes, Desembargadores, Promotores, médicos, advogados etc., o Governador e os Comandantes da SEDUC estariam em maus lençóis ! Aliás, o problema nem existiria!

Se merenda é a refeição a que se tem direito por merecimento, então que se invertam as coisas: o pessoal aqui de cima receba a “sofrenda”. E o que se gasta com a alimentação deles seja enviado a essas escolas onde alunos estão, literalmente, passando fome!


Participe, também, do Grupo de divulgação da UDEMO no Facebook!

 

 

 
Filie-se à Udemo
Decálogo
 
 
 
 
 
 
Parceria UMC