Busque em nosso site

Siga-nos no Twitter

 

 

Perguntas Anteriores

09/04/2018 a 16/04/2018

De acordo com Yuval Noah Harari, historiador e professor israelense, em função do avanço rápido da ciência e da tecnologia, com as consequentes mudanças, esta é a primeira vez na história que uma geração mais velha não tem certeza do que vai ensinar à geração mais nova.

Você concorda com ele?

Sim
59.18%
Não
40.82%

Esta enquete foi exposta 50 vezes e recebeu 49 votos.


02/04/2018 a 09/04/2018

Estamos vivendo a fase do “politicamente correto”, com todos os seus excessos. O filósofo e jornalista português João Pereira Coutinho faz a seguinte indagação: “será que o fato de fazer piadas com certos grupos ou temas transforma uma pessoa num monstro moral?

Na sua opinião, transforma?


Sim
30.99%
Não
69.01%

Esta enquete foi exposta 74 vezes e recebeu 71 votos.


19/03/2018 a 02/04/2018

Há alguns bons projetos em gestação ou execução envolvendo as escolas públicas de São Paulo. Um deles é o oferecimento de cursos de formação e atualização de professores (federal); outro, é um projeto para tentar diminuir a evasão escolar no ensino médio.

Você acredita que esses projetos – dentre outros – terão sucesso, sem que se cuide, antes, da remuneração dos professores (docentes e especialistas) e das condições de trabalho nas escolas?

Sim
11.03%
Não
88.97%

Esta enquete foi exposta 143 vezes e recebeu 136 votos


12/03/2018 a 19/03/2018

De acordo com o advogado e articulista Luís Francisco Carvalho Filho, “justa ou injusta, não importam as opiniões pessoais, a condenação criminal de um ex-presidente da República é um desastre”.

Você concorda com ele ?

Sim
51.00%
Não
49.00%

Esta enquete foi exposta 110 vezes e recebeu 100 votos.


05/03/2018 a 12/03/2018

O Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp) realiza anualmente um exame para avaliar a capacidade dos médicos recém-formados. Mais da metade dos prestantes acaba reprovada. A reprovação, contudo, não impede a emissão do diploma.

Você concorda com o fato de que mesmo reprovados no exame os médicos podem exercer a profissão?

Sim
14.89%
Não
85.11%

Esta enquete foi exposta 107 vezes e recebeu 94 votos


26/02/2018 a 05/03/2018

De acordo com o psiquiatra Contardo Calligaris, “Para muito de nossos pedagogos, a diferença entre os que conseguem e os que não conseguem reside só na capacidade de resistir à frustração. Ou seja, os que conseguem são os que não desistem, e não desistem porque não se deixam derrubar pela frustração. Os que não conseguem têm as mesmas habilidades, mas perdem coragem quando frustrados. Consequência: o que é preciso ensinar às nossas crianças é a resistência à frustração, que os estudos e a vida em geral necessariamente lhes prometem”.

Você concorda com ele?

Sim
84.42%
Não
15.58%

Esta enquete foi exposta 82 vezes e recebeu 77 votos


19/02/2018 a 26/02/2018

De acordo com Hélio Schwartsman , “A democracia só não é um caso perdido porque ela, no mais das vezes, consegue ao menos evitar que indivíduos de campos políticos opostos troquem tapas e tiros nas ruas”.

Você concorda com ele ?

Sim
64.71%
Não
35.29%

Esta enquete foi exposta 53 vezes e recebeu 51 votos.


05/02/2018 a 19/02/2018

De acordo com Hélio Schwartsman, “O ponto central é que as pessoas tendem a usar critérios muito mais calcados em emoções e impressões do que na razão para tomar suas decisões. Pior, eleitores são frequentemente vítimas de vieses cognitivos e pressões sociais contra os quais a escola pode muito pouco”.

Você concorda com ele?

Sim
85.90%
Não
14.10%

Esta enquete foi exposta 82 vezes e recebeu 78 votos.


29/01/2018 a 05/02/2018

De acordo com Hélio Schwartsman, “Educação melhora a qualidade do voto? Trocando em miúdos, se nossas escolas fossem melhores, correríamos menos risco de eleger bandidos ou aventureiros no próximo pleito presidencial? Infelizmente, a resposta é "não". A ideia de que a democracia é um processo no qual cidadãos bem informados analisam desapaixonadamente as propostas em debate e escolhem a mais conveniente é sedutora, bastante popular e, lamentavelmente, errada. Não é que seja impossível que algum eleitor siga esse roteiro, mas o que várias décadas de estudos empíricos mostram é que essa está longe de ser a regra”.

Você concorda com ele ?

Sim
69.09%
Não
30.91%

Esta enquete foi exposta 56 vezes e recebeu 55 votos.


22/01/2018 a 29/01/2018

De acordo com Ruy Castro, “Enquanto no Brasil discutimos ideologia, Portugal há anos começou a privilegiar o ensino de português e matemática em suas escolas. Sem ler ou escrever direito, ninguém chegará à história e à filosofia. E sem uma forte base matemática, ninguém dará para a saída no mundo cibernético. Os portugueses começam a colher os frutos dessa política. Se fôssemos espertos, já os estaríamos copiando”.

Você concorda com ele?

Sim
93.42%
Não
6.58%

Esta enquete foi exposta 82 vezes e recebeu 76 votos.


15/01/2018 a 22/01/2018

Em resumo o FMI afirma que o Brasil precisa gastar mais com educação básica do que com educação superior. Isso poderia e deveria ser feito, sem precisar aumentar os gastos com educação, apenas remanejando verbas. Você concorda com ele?

Sim
89.39%
Não
10.61%

Esta enquete foi exposta 71 vezes e recebeu 66 votos.


08/01/2018 a 15/01/2018

Ainda, de acordo com o Fundo Monetário Internacional – FMI -reduzir as disparidades na educação é crucial para reabsorver a desigualdade de renda. Recomenda-se o aumento das despesas públicas em instituições de ensino para crianças socialmente desfavorecidas. As políticas de educação se distinguem dos demais instrumentos fiscais, na medida em que podem promover o crescimento e a igualdade.

Você concorda com ele?


Sim
95.35%
Não
4.65%

Esta enquete foi exposta 46 vezes e recebeu 43 votos.


03/01/2018 a 08/01/2018

De acordo com o Fundo Monetário Internacional – FMI - confrontar a redução das desigualdades na educação é possível sem afetar os orçamentos estatais redistribuindo, por exemplo, os gastos públicos em favor das crianças socialmente desfavorecidas e das instituições escolares com menos recursos.

Você concorda com ele ?


Sim
75.68%
Não
24.32%

Esta enquete foi exposta 38 vezes e recebeu 37 votos.


Veja também:

Perguntas Anteriores - 2017
Perguntas Anteriores - 2016
Perguntas Anteriores - 2015

Perguntas Anteriores - 2014
Perguntas Anteriores - 2013
Perguntas Anteriores - 2012
Perguntas Anteriores - 2011
Perguntas Anteriores - 2010
Perguntas Anteriores - 2009
Perguntas Anteriores - 2008